TratamentosFisioterapia Respiratória

Bronquite Aguda/Crônica

Podendo ser classificada entre aguda ou crônica, os sintomas de bronquite aguda geralmente duram dias a poucas semanas. Contudo, uma bronquite que dura até 90 dias ainda é classificada como bronquite aguda.

Já a que ultrapassa esse período de 90 dias, podendo levar meses ou anos, é geralmente classificada como bronquite crônica.

A ocorrência de bronquite crônica juntamente com a diminuição do fluxo respiratório dos pulmões quando a pessoa expira (fluxo expiratório) são consideradas características definidoras da doença pulmonar obstrutiva crônica.

Suas causas mais comuns são devido a infecções virais ou bacterianas, ou exposição a agentes irritantes, como fumaça, poluição atmosférica, partículas de poeira e vapores (de agentes irritantes como ácidos fortes, amoníaco, determinados solventes orgânicos, cloro, sulfeto de hidrogênio, dióxido de enxofre e brometo) também pode inflamar a traqueia e os brônquios, causando sintomas semelhantes àqueles da bronquite aguda.

Os brônquios se mantém inflamados e inchados, obtendo um maior acúmulo de muco gerando no estreitamento da passagem de ar.

Tratamento

Seu tratamento consiste em uso de broncodilatadores, esteróides, em alguns casos há indicação médica de tratamento com uso de oxigenoterapia.

O paciente segue em tratamento com a equipe multidisciplinar, com acompanhamento com o pneumologista, fisioterapeuta respiratório.

Fisioterapia no tratamento da bronquite

A fisioterapia atua na prevenção e tratamento da doença, trabalhando manobras respiratórias para evitar acúmulo de secreção (devido ao excesso de muco), com drenagem postural utilizando a lei da gravidade em pró de obter o deslocamento da secreção e melhora da ventilação perfundida, vibrocompressão aumentando o fluxo respiratório gerando em reflexo de tosse obtendo a desobstrução das vias aéreas.

A fisioterapia também atua com exercícios respiratórios para melhorar as trocas gasosas e ensinando o indivíduo a manter a respiração de maneira mais relaxada e com um padrão mais diafragmático evitando desconfortos respiratórios.

Indicação

  • Crianças;
  • Adultos;
  • Idosos.